WHAT'S NEW?
Loading...

MPF investiga valores das passagens da Trip para Tabatinga

foto por Fábio Duarte

Manaus - O Ministério Público Federal (MPF) instaurou um inquérito civil público para apurar eventual abuso de posição dominante da empresa Trip Linhas Aéreas em relação ao valor cobrado na passagem do trecho Tabatinga-Manaus. Segundo o órgão, em consulta realizada pela internet, foi constatado que os preços dos bilhetes para esse trajeto variavam 588% em menos de um mês. O valor da passagem cobrado pela companhia oscilou de R$ 199 a R$ 1.369,90, para o período de 1º a 26 de dezembro deste ano.

A Portaria 36 do MPF foi publicada na última segunda-feira no Diário Oficial da União (DOU). No documento, o procurador da República Carlos Augusto Toniolo Goebel estipulou um prazo de dez dias úteis para que a empresa justifique “os motivos que levaram à significativa variação no valor cobrado pela passagem aérea no trecho Tabatinga-Manaus”.

Ao ser questionada sobre o assunto, a Trip Linhas Aéreas afirmou, por meio da assessoria de imprensa, que “irá se manifestar pelos meios cabíveis assim que receber a notificação formal”. Essa foi a primeira portaria do gênero registrada pelo MPF, de acordo como levantamento da assessoria de imprensa regional do órgão.

Ressaltando a posição da Trip como única concessionária que presta serviço de transporte aéreo regular de passageiros para o trajeto em questão, o MPF aborda também entre suas considerações que a “lei reprimirá o abuso do poder econômico que vise à dominação dos mercados, à eliminação da concorrência e ao aumento arbitrário dos lucros”.

Fonte: D24am.com

0 comentários: