WHAT'S NEW?
Loading...

Legacy 500 faz seu primeiro voo

foto por Claudio Capucho
A Embraer voou hoje pela primeira vez o Legacy 500, marcando o início de uma nova geração de jatos executivos. O bem-sucedido primeiro voo do Legacy 500 é o marco inicial de seu programa de testes em voo. As primeiras entregas da aeronave estão previstas para o início de 2014.

-  Novo avião da Embraer é testado em túnel de vento holandês. Assista ao vídeo

“Esta é a aeronave que nos levará de importante competidor da indústria de jatos executivos para a liderança do mercado”, disse Ernest Edwards, Presidente da área de aviação executiva da Embraer. "É inestimável a importância do sistema eletrônico de voo fly-by-wire [tipo de controle das superfícies móveis de um avião por computador]. Essa tecnologia é para a aviação executiva o que o GPS tem sido para a navegação. Isso garantirá maior segurança, precisão, eficiência e conforto para cada voo da aeronave.”

foto por Claudio Capucho


Os pilotos de teste Mozart Louzada e Eduardo Camelier, acompanhados dos engenheiros de ensaios em voo Gustavo Monteiro Paixão e Alexandre Figueiredo, voaram o Legacy 500 por 1 hora e 45 minutos, executando ampla variedade de testes de sistemas e avaliando características de desempenho e dirigibilidade. Vários sistemas foram acionados, inclusive recolhimento do trem de pouso.

“O voo foi um sucesso, exatamente como o previsto no plano. Foi impecável", disse o comandante Louzada. A cabine espaçosa tem um manche lateral de controle (sidestick) e o mais avançado sistema de aviônica disponível hoje no mercado.

O Legacy 500 é o que a indústria denomina de projeto “clean-sheet”, ou seja, desenvolvido do zero, sem utilizar desenhos de outras aeronaves. Seu design é baseado em uma extensiva pesquisa de mercado realizada com operadores e clientes.

Primeiro modelo executivo da categoria de jatos médios a incorporar o sistema de controle eletrônico fly-by-wire, a aeronave tem uma cabine de 1,82 metro de altura e piso plano. “De longe, o Legacy 500 tem a maior cabine de toda a categoria, com o conforto e a tecnologia encontrados somente em aeronaves maiores e bem mais caras”, disse Pellegrini.

O Legacy 500 será seguido pelo quarto projeto clean-sheet da Embraer Aviação Executiva, o Legacy 450, da categoria midlight, que entrará em serviço um ano depois. “Projetos clean-sheet são parte do nosso DNA. Eles são a razão da nossa sensibilidade às necessidades dos clientes”, afirmou Pellegrini. Os bem-sucedidos jatos Phenom 100 e Phenom 300 também são projetos clean-sheet.

Dois motores Honeywell HTF 7500E, de baixo consumo de combustível e capazes de produzir até 6.540 libras de força propulsora equipam o Legacy 500, bem como a aviônica Pro Line Fusion da Rockwell Collins com sistema de visão sintética.

Especificações do Legacy 500

Alcance (Reservas NBAA, 200nm de alternado, LRC, 4 passageiros) - 5.556 km

Velocidade máxima de cruzeiro - Mach 0,82 ou 1012 km/h

Distância de decolagem - 1.402 km

Teto (Altitude máxima de operação) - 13.716 km

Configuração dos assentos - 2 + 8/12

Altura máxima da cabine - 1,82 m

Largura máxima da cabine - 2,08 m

Comprimento da cabine - 8,17 m

Capacidade externa de bagagem - 3,11 m³

Capacidade interna de bagagem - 1,13 m³

Capacidade total de bagagem - 4,24 m³

0 comentários: